Deus salve os roqueiros

Rock é produto de exportação e gera 4 bilhões de Euros aos cofres do Reino Unido


Eles são responsáveis por uma boa parte dos diamantes da coroa da rainha. Sim, os roqueiros britânicos contribuem com um percentual significativo no PIB do Reino Unido e não é a toa que a rainha reconhece a importância desses artistas. Beatles, Rolling Stones, Queen, Led Zeppelin, Elton John, juntos produziram mais receita para os cofres da Inglaterra do que muitos setores da indústria tradicional. A indústria da música é uma importante fonte de receita para o pais, que exporta sua música e seus talentos para o mundo inteiro.

A indústria da música gera para o Reino Unido aproximadamente 4 bilhões de Euros por ano. Sir Paul McCartney, por exemplo, é o segundo artista mais rico do planeta com patrimônio de 660 milhões de dólares. Em primeiro lugar figura a rainha do pop Madonna, com 880 milhões.  Na lista dos artistas mais ricos do mundo figuram ainda vários britânicos, como Elton John e o produtor e compositor Andrew LLoyd Webber.

É uma pena que o potencial da música seja pouco explorado aqui no Brasil. O rock é produto de exportação da Inglaterra, apoiado e incentivado pelo governo. O Rio de Janeiro, que já foi um polo exportador de música para o mundo inteiro com a Bossa Nova e o Samba, está à míngua. O Rock carioca já foi exportado para o resto do país e a maioria das gravadoras tinham suas sedes aqui. Nos anos 80, o Rock Brasil teve sua época de ouro começando na praia do Arpador, na lona do primeiro Circo Voador. Quando que a indústria da cultura e da música será tratada com a devida atenção que merece?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *