O funeral de Malcolm Young

O ex líder e guitarrista do AC/DC foi enterrado na terra que o acolheu.


Malcolm Young, talvez a mais importante guitarra base de todo o vernáculo do rock and roll, foi enterrado ontem, terça-feira, 28/11. O funeral ocorreu em Sydney, Austrália, na catedral de St. Mary, e foi reservada a apenas parentes e amigos mais próximos.

Integrantes do AC/DC, como o irmão Angus Young, guitarrista e co-fundador junto com Malcolm, Brian Johnson, vocalista que se encontra afastado por problemas de saúde, o que ocasionou a participação de Axl Rose durante a última turnê da banda, o baixista Cliff Williams e o baterista Phil Rudd, compareceram a cerimônia e se mostravam bastante emocionados.

Nos discursos, Malcolm foi descrito como um homem “tranquilo, humilde e discreto”.

Algumas canções do AC/DC, em forma de medley, foram tocadas por uma banda de gaitas de foles, incluindo “It’s a Long Way to the Top”, além de canções tradicionais australianas.

Segundo noticiado pela rede ABC, a guitarra Gretsch de Malcolm, que a apelidara de “the beast” ( “a fera” ), esteve sobre seu caixão durante toda a cerimônia. Após, Angus a colocou dentro de um carro fúnebre, que seguiu, em cortejo, levando o caixão pela rua College.

Malcolm, assim como Angus, nasceu em Glasgow, na Escócia, e imigraram muito cedo para a Austrália, aonde acabaram se naturalizando australianos.

Toda a carreira do AC/DC foi baseada na Austrália, com álbuns lançados primeiramente em solo australiano, antes da banda ganhar o Mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *