Uma vez miquinho, sempre miquinho

Integrante dos inesquecíveis João Penca e seus Miquinhos Amestrados, Selvagem Big Abreu continua com a mesma irreverência que foi a marca registrada do grupo e fala do novo projeto que reúne os velhos amigos, a banda Love & The Lovers


Nos anos 80 uma banda despontou no cenário do Rock Brasil tendo como características a irreverência e a inspiração na música dos anos 50 e 60. Essa banda era o João Penca e seus Miquinhos Amestrados. Conhecidos inicialmente por acompanhar artistas da época, como Léo Jaime e Eduardo Dusek, os Miquinhos seguiram carreira solo e emplacaram mega hits como Lágrimas de Crocodilo e Pop Star.

A banda está parada há algum tempo, mas seus velhos integrantes voltaram a se reunir para matar as saudades e por que não dizer, se divertir e divertir o público, afinal, era isso que eles sempre fizeram. O projeto que reúne a trupe se chama Love & The Lovers, que mantém as mesmas características principais do João Penca, a irreverência e a música dos anos 50 e 60.

O eterno miquinho Selvagem Big Abreu contou à Rio Rock e Blues Magazine que o Love & The Lovers não é um projeto novo e que o objetivo não é brigar por espaço. É uma reunião de velhos amigos para fazerem o que gostam. “Não brigamos por espaço, quando precisamos de algum, Avellar Love mostra seus dotes e se abre uma clareira. Espaço não é problema”, diz Abreu sobre seu velho amigo de banda e que é a voz principal nesse projeto.

A proposta do Love & The Lovers é celebrar a memória do Rockabilly. No repertório dos shows estão grandes hits do estilo. Perguntado se existe algum interesse em dar ao velho Rockabilly uma veia mais pop para ganhar mais espaço, Abreu dispara com toda a sua irreverência “O Rockabilly já é patrimônio da humanidade. Quem tem veia pop é a Anitta. A minha veia é pobre e esclerosada”.

O Love & The Lovers reúne Selvagem Big Abreu, Avellar Love, o guitarrista Ricardo Palmeira e o baixista Dôdo Ferreira. Todos velhos integrantes dos miquinhos. Para completar a trupe, só falta Bob Galo. Perguntado se existiria a possibilidade de uma reunião de todos Abreu deixa uma esperança para os velhos fãs “Se juntar mais um completa o João Penca né? O nome pouco importa quando nossa vontade maior é reunir velhos amigos para tocar velhos sucessos. O futuro a Deus pertence. Tudo é possível”.

O Love & The Lovers se apresenta no Rio Rock & Blues Festival nesse sábado, dia 20. Você pode garantir seu ingresso antecipado com desconto e ver a reunião dessa trupe novamente pelo site oficial do festival.

 www.riorockebluesfestival.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *